Desconto em Games

Review | TMNT: Shredder’s Revenge (PS4)

Para quem curte um jogo mais nostálgico, com certeza já deve ter jogado algum título de TMNT, ou seja, relacionado as Tartarugas Ninjas na infância. Principalmente no console Super Nintendo onde tornou-se um dos maiores clássicos daquela época. Além disso, outros vídeo games também contaram com a presença de algum jogo relacionado a essa franquia, com isso atingiu e fez parte da história de muitos jogadores mais velhos, isto é, mais saudosistas.

Portanto a Dotemu e a Tribute Games decidiram trabalhar em um novo jogo de Teenage Mutant Ninja Turtles com o intuito de trazer uma nova experiência, mas que ao mesmo tempo pudesse abraçar o estilo retrô. Então, com isso surgiu o mais novo TMNT: Shredder’s Revenge, que consiste em um título de beat’ em up feito nos moldes antigos para trazer a sensação de nostalgia durante a experiência.

Nesta analise do jogo, traremos a opinião de um jogador que viveu os títulos mais clássicos da franquia durante sua infância e juventude, e que anos depois voltou a reviver a mesma emoção através desse novo jogo. Além disso, a versão que recebemos e que desfrutamos durante o seu lançamento no último dia 16 de Junho de 2022 veio para as plataformas da PlayStation, isto é, a versão de PS4. Lembrando que este jogo não tem versão cross-gen, é apenas essa para ambos os consoles.

História & Campanha Principal

Ao iniciar o jogo pela primeira vez, o jogador já costuma ir direto no Modo História, ou seja, na campanha principal. Com isso, podemos notar um mini mapa na sua tela com diversos caminhos para visitar que consiste basicamente nos episódios que você terá que concluir até chegar no final do jogo para que possa finalizá-lo com sucesso.

A princípio, ao progredir na campanha e descobrir lugares secretos ou alternativos durante o mapa, você verá que tem alguns NPC’s que estão a procura de alguns itens secretos, que você só encontrará durante cada episódio. Ao conseguir achar todos os itens solicitados por cada um, você receberá uma recompensa em XP e poderá ganhar o troféu ou a conquista de obter todos os colecionáveis do jogo, que sinceramente não é uma tarefa difícil. Minha dica para você que está tendo dificuldade de encontra-los, basta buscar uma partida pública com 4 a 6 jogadores que com certeza sua equipe te ajudará na busca por eles.

Além disso, assim como no Modo Arcade, você poderá escolher o nível de dificuldade da sua jornada principal, visto que o jogo quer atender a todo tipo de público. Desde os que procuram menos desafios até os mais desafiadores.

Os visuais são muito fieis as origens

Para quem viveu os jogos mais clássicos dessa franquia sabe o quanto o visual e gráficos retrô remetem a essa nostalgia. Portanto, a Tribute Games está de parabéns no trabalho feito na parte visual e artística, e dos detalhes em cada cenário do jogo, que mesmo que tenha um aspecto “antigo”, tudo é muito lindo. Principalmente pela escolha certa de paleta de cores de cada personagem e ambientação.

Acredito que até para os mais novatos a jogos desse estilo e gênero, deverão gostar muito e aventurar-se na jornada desse grupo de cascas grossas.

Sonoplastia encaixou bem ao estilo retrô

A Trilha Sonora de TMNT: Shredder’s Revenge enquadra-se muito bem ao gênero do jogo, e em nenhum momento te deixa com tédio ao joga-lo. Muito pelo contrário, ela te incentiva o tempo todo a tornar essa experiência ainda melhor.

Os efeitos sonoros do jogo ao usar um especial ou a carregar esse especial também torna-se um pouco engraçado, fazendo com que o combate seja mais leve e tranquilo, pois vai te gerar horas de risadas.

Portanto, ao jogar este título, recomendo que desfrute desta aventura com o som do jogo ligado e se possível utilizando de um headset ou fone de ouvido.

Modos de Jogo & Níveis

Quando você abre o aplicativo do jogo pela primeira vez e tem acesso ao Menu Principal, você já percebe que contaremos com um Modo História e um Modo Arcade. Então, irei explicar como cada um funciona de forma resumida.

No Modo História você tem os três níveis de dificuldade que fica disponível a sua escolha, independente do nível. Além disso, neste modo você terá que encontrar os itens perdidos (colecionáveis) e concluir alguns desafios em troca de recompensas. Você pode concluir e fechar a campanha principal inteira ao lado de seu(s) amigo(s) em cooperativo local ou online.

Já no Modo Arcade, que considero ser o modo mais difícil do jogo inteiro, você terá os 16 episódios da história para joga-lo. A única diferença é que não poderá morrer, caso contrário voltará do inicio da jornada. E caso o jogador escolha iniciar este modo no nível de dificuldade “Casca Grossa”, terás uma missão quase impossível e precisará de jogadores para te ajudar neste objetivo.

Pontos Positivos:

  • Jogabilidade: As mecânicas utilizadas neste jogo, retratam uma experiência bem parecida aos jogos clássicos, mas ao mesmo tempo repaginada para os moldes atuais e que traz uma simplicidade muito bem feita. Não é difícil aprender e acostumar-se com a jogabilidade do jogo.
  • Cooperativo com 6 jogadores: O modo online do jogo permite você conectar-se a mais 5 amigos ou jogadores aleatórios durante a busca por partida no Modo História e Modo Arcade.
  • Progressão dos Personagens: O jogo contém cerca de 7 personagens jogáveis, e a progressão deles é feita de uma forma muito inteligente, na qual o jogador percebe estar ficando mais forte ao decorrer da campanha por exemplo. Cada personagem pode atingir individualmente até o nível 10.

Pontos Negativos:

  • História: A narrativa é contada de maneira muito simples, através de imagens que registra cada momento final dos episódios. Sinto que poderiam ter caprichado mais e implementado um sistema de cutscenes animadas, igual fizeram na introdução ao abrir o jogo.
  • Conexão ruim (ping): Ao conectar-se a outros jogadores, você percebe que seu ping está extremamente alto, podendo causar um pouco de travamento durante as partidas. Mas, nada que prejudique a sua experiência, porém poderia ser melhor.
Nesta captura de tela, perceba que existem 6 jogadores na sessão e o ping alto no canto

Vale ou não a pena? Conclusão Final!

Se você for um jogador saudosista e que gosta de reviver experiências que marcaram sua infância ou adolescência. Com certeza este jogo te dará horas de lazer e nostalgia, principalmente por conter um modo cooperativo extremamente divertido. Embora o valor cobrado em seu lançamento talvez esteja um pouco acima do esperado pelos usuários. Vale lembrar que ele está disponível para os assinantes do Xbox Game Pass no Day One.

Caso você não tenha tido oportunidade de jogar algum dos clássicos dessa franquia, este jogo também será para você! Desde que você não seja muito exigente e entenda que os gráficos e algumas estruturas foram feitas para causar a sensação de saudade de uma época inicial da indústria dos jogos.

9.6Pontuação do especialista
Obrigatório!

Experiência incrível para quem gosta de jogos retrô

História
8.5
Jogabilidade
10
Gráficos
10
Sonoplastia
10
Pontos Positivos
  • Jogabilidade
  • Cooperativo com 6 jogadores
  • Progressão dos Personagens
Pontos Negativos
  • História poderia ter cenas animadas
  • Conexão ruim (ping)
Escrever
Notificação de
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos comentários
Desconto em Games
Logo
RECEBA PROMOÇÕES NO SEU CELULAR
Shopping cart