Review | El Shaddai: Ascension of the Metatron (PC)

Quando falamos no gênero Hack’n Slash, o primeiro jogo que vem em nossa mente é God of War ou até mesmo a franquia Darksiders. É difícil imaginar que El Shaddai: Ascension of the Metatron iria dar as caras novamente em 2021. Lançado para PlayStation 3 e Xbox 360 e publicado pela Ignition Games em 28 de abril de 2011, o jogo infelizmente não se popularizou por aqui. Em 2020 finalmente foi anunciado o port para PC pela Crim, chegando na Steam somente no dia 1 de setembro deste ano. El Shaddai nada mais é do que um Hack’n Slash com câmera fixa em terceira pessoa, alternando em alguns momentos durante sua jornada para o 2.5D. O que pode irritar um pouco o jogador é sua câmera “travada” que pode dificultar o combate.

Avisos antes de comprar El Shaddai: Ascension of the Metatron

Logo de cara, já vemos um grande problema assim que iniciamos o jogo, pois é necessário o uso obrigatório de um controle, seja ele de PlayStation ou até mesmo do Xbox, impossibilitando continuar com o mouse e teclado. O jogo não possui legendas em PT-BR, porém o diálogo do jogo é de fácil compreensão sem depender de um bom inglês.

Momentos únicos nos quais podemos apreciar em El Shaddai

O protagonista de El Shaddai é uma figura bíblica conhecida como Enoque, filho de Caim e muito popular no antigo testamento. No jogo, Enoch é apresentado com uma armadura branca e calça jeans e cada vez que sofremos dano de um determinado inimigo, um pedaço de seu equipamento é destruído, sem apresentar nenhuma barra de vida através do HUD.

Observação: por se tratar algumas vezes de temas religiosos, por mais simples que seja apresentado no jogo, pode não agradar.

Minha experiência com o jogo

Em El Shaddai, o protagonista recebe a missão de punir 7 anjos caídos que se rebelam contra Deus. Apesar de parecer interessante, a história e diálogos não te prendem o suficiente e muitas vezes acabam te desanimando de continuar a jogar, além de alguns momentos serem irrelevantes ou indiferentes.

Enoch recebe a importante missão de punir os 7 anjos caídos

O combate chega a ser divertido durante as primeiras horas de jogo mas depois acaba se tornando extremamente limitado e repetitivo. Não existe um sistema de upgrade de habilidades para o personagem, além da pequena variedade de armas, que podem ser substituídas durante o combate roubando elas dos inimigos. Uma mecânica que achei interessante é o enfraquecimento das armas, nas quais de tempos em tempos devemos purificá-las para gerar mais dano nos inimigos.

Purificar a arma é essencial para o combate e maior dano ao inimigo

Apesar de seus defeitos, o jogo conquista através de seus belos visuais,  paisagens coloridas e diferenciadas que não vemos hoje em dia, além de uma trilha sonora que apesar de repetitiva, se encaixa bem em momentos únicos, como no combate contra um chefe.

Cores vivas e ambientes que só podem ser encontrados em El Shaddai

El Shaddai: Ascension of the Metatron – Vale a pena jogar!

Eu diria que vale a pena jogar apenas quando entrar em uma promoção na Steam, ou até outros sites de venda especializada de Keys como a Nuuvem ou até mesmo a Green Man Gaming. O jogo atualmente encontra-se em promoção por R$ 61,14 na Steam.

Você pode adquirir o jogo no link abaixo:

https://store.steampowered.com/app/1581040/El_Shaddai_ASCENSION_OF_THE_METATRON/

Apaixonado por Games há 24 anos e fanático por Resident Evil. Radialista e atualmente Streamer na plataforma roxinha! Você pode entrar em contato comigo pelo Twitter: @gspetri

2 Comentários
Mostrar Todos Mais Útil Classificação Mais Alta Classificação Mais Baixa Adicionar a sua avaliação
  1. Quando ouço Hack’n’Slash a primeira coisa que vem na minha mente é Devil May Cry kakakakakaka amei a Review

  2. jogo bem underground no final da geracao ps3/xbox360 mas e um otimo jogo que vale uma tentativa..

Deixe uma Comentário

Desconto em Games
Logo
Registrar Nova Conta
Redefinir Senha
RECEBA PROMOÇÕES NO SEU CELULAR
Shopping cart