Desconto em Games

Os 10 momentos mais marcantes de God of War

God of War pode ser considerado uma das franquias mais importantes de toda a história dos videogames, desde sua chegada triunfal ao PlayStation 2 em 2005, até seu capítulo final no PlayStation 4 em 2018. Com o passar do tempo, o jogo foi ganhando ainda mais notoriedade pela comunidade e acabou recebendo o título de jogo exclusivo mais rápido vendido na história! Anteriormente, apenas The Last of Us seria capaz de alcançar este feito incrível mas acabou perdendo espaço para o Fantasma de Esparta da Santa Monica Studio.

Mas você deve estar se perguntando… quais foram os 10 momentos mais marcantes do game? Em comemoração aos 4 anos de aniversário de God of War (2018), separamos esta lista incrível para você! Confira abaixo:

Obs: ESTA LISTA PODE CONTER SPOILERS!

10 – Os fantasmas do Passado (God of War 2005)

Durante uma batalha épica em God of War 1, Ares utiliza alguns de seus truques para derrotar Kratos e faz com que ele retorne ao dia em que assassinou sua esposa Lysandra e sua filha Calliope. O grande Deus da Guerra acaba punindo Kratos criando diversos clones para tentar desestabilizá-lo e força-lo a desistir, mesmo sabendo que sua família não irá retornar nunca mais.

Para muitos jogadores, esta luta é considera épica e uma das mais difíceis do jogo para quem pretende finalizar no Very Hard. Infelizmente resta a dor e o sofrimento da perda para Kratos, criando fantasmas em seu passado.

9 – A batalha contra Hércules

A batalha contra Hércules pode ser considera por muitos uma das melhores já feitas em God of War 3! Durante uma breve introdução sobre Hércules, podemos notar que o Semi Deus tem ciúmes de seu meio-irmão Kratos. Isso acontece porque Hércules acredita que Zeus considera Kratos o seu filho favorito, recebendo diversos “títulos” por ser o único capaz de ter derrotado Ares. Mesmo Kratos contestando o ciúmes do meio-irmão, seu pensamento não havia mudado e ele insiste em lutar contra o Fantasma de Esparta.

Após uma batalha sangrenta, Kratos arranca os Cestos de Neméia (manopla em formato de leão rugindo) e esmaga o rosto de Hércules, deixando-o completamente desfigurado.

Resultado de todos que tentaram cruzar o caminho de Kratos

8 – O combate contra Hélio

Um dos momentos que mais me deixou agoniado em God of War 3 foi o combate contra Hélio. Durante a batalha contra o titã, Kratos encontra uma catapulta e atira uma flecha que acaba derrubando a carruagem do Deus do Sol, deixando ele completamente fraco e com todo seu corpo despedaçado. Mesmo ferido, Hélio ainda tenta nos enganar mas não consegue já que Kratos arranca sua cabeça.

Vale ressaltar que após o combate, Kratos poderá utilizar a cabeça de Hélio para atordoar seus inimigos e descobrir caminhos bloqueados.

7 – Kratos e Deimos se unem para derrotar Thanatos

Um dos momentos mais difíceis de se encontrar em toda a franquia God of War é Kratos confiando em alguém e tentando se reconciliar. Isto acontece com seu irmão Deimos em God of War Ghost of Sparta. Talvez não seja uma luta tão conhecida já que muitas pessoas não jogaram o game na época ou ainda não tinham um PSP. Infelizmente o jogo acabou chegando muito tarde no PS3 e muitas pessoas já haviam perdido o interesse na obra.

Após um momento de reconciliação do personagem, Deimos é morto em um combate brutal contra Thanatos, deixando Kratos ainda mais furioso e vingativo. Após carregar o corpo de seu irmão, o Fantasma de Esparta tenta se suicidar mas é interrompido com a aparição de Atena.

6 – A Caixa de Pandora

Durante a maior parte de God of War (2005), o Fantasma de Esparta busca a Caixa de Pandora, a única caixa que possui o poder de matar um Deus. Logo que a caixa é removida do Templo, Ares atira uma pilastra que perfura o peito do Espartano. Talvez este não seja um dos momentos mais legais do game, porém, todo o sacrifício de Kratos foi em vão após sua busca incessante.

Na batalha final, encontramos novamente a caixa, dando um poder superior e capaz de derrotar Ares, o poderoso e temido Deus da Guerra.

5 – A batalha do Colosso Rhodes

Nosso guerreiro espartano não tem 1 minuto de paz, não é mesmo? Em God of War 2, Kratos acaba vendo seu exército sendo massacrado pelo Colosso Rhodes e desce para dar uma lição na estátua. A batalha é tão intensa e marcante que acontece logo nos primeiros 20 minutos de gameplay.

Após sofrer em sua luta, Kratos finalmente consegue finalizar a estátua pegando a Lâmina do Olimpo, a espada mais poderosa do mundo forjada por Zeus.

4 – Espancando o pai

A vingança de Kratos estava concluída em God of War 3! Após uma caça incessante a Zeus, Kratos luta até a morte em uma variação de câmera em primeira pessoa e socos brutais, sujando toda a tela do jogador de sangue. Após finalizar o inimigo, Kratos sabia que sua vingança não tinha valido nada. As pessoas que ele tanto amava já haviam sido mortas.

Será que a busca pela vingança valeu a pena para Kratos? Será que tudo isso poderia ter sido evitado?

3 – A luta contra Baldur

Para muitos, esta continua sendo a melhor luta de God of War (2018)! Conhecemos Baldur, o filho de Odin e Freya que é apresentado logo no início do game em um combate de tirar o fôlego. Baldur irá atrás de Kratos com a tarefa de ser libertado de um feitiço prometido por Odin, tornando assim seu maior inimigo. A batalha acaba se tornando chocante e cheia de destruições no cenários, movendo até montanhas e pedras.

Mesmo cansado, Kratos “derrota” seu inimigo quebrando o pescoço e o jogando do penhasco. Cena marcante não é mesmo?

2 – Kratos se sacrifica

Eu tenho certeza que você ficou chocado com a morte de Kratos, mas por que ele fez isso? Após derrotar Zeus em God of War 3, Kratos tem um diálogo muito marcante com Atena, no qual revela que sua necessidade de vingança chegou ao fim. Atena solicita o poder da caixa de volta mas Kratos acaba ignorando, se ajoelha, pega a Lâmina do Olimpo e se mata perfurando o peito.

Atena se sente decepcionada com a atitude de Kratos e vai embora deixando o Espartano sangrando até a morte. Confira a cena pós-creditos que levantou a suspeita dos jogadores para uma possível continuação:

Kratos desaparece deixando um rastro de sangue.

1 – Kratos busca algo do passado

Sem dúvidas, esta é uma das cenas mais marcantes de toda a série de God of War! Kratos havia escondido as Lâminas do Caos para Atreus não descobrir sobre seu passado sangrento e conturbado. Sua promessa de manter as lâminas escondidas chega ao fim após seu filho ficar doente. A única forma de salvá-lo é recuperando o Coração do Guardião e frequentar Helheim, um local onde tudo está congelado, impossibilitando o herói de usar o Machado do Leviatã.

A cena é simplesmente de arrepiar, deixando todos os jogadores impressionados com o retorno das lâminas e todo o seu poder que estava prestes a ressurgir.

Atena também aparece na cena, falando sobre todo o passado do Fantasma de Esparta!

E aí, o que você achou da lista? Faltou alguma cena? Deixe aí nos comentários!

Esse foi mais um Top 10 dos games! Conta pra gente qual é o próximo jogo que você quer ver na lista.

Mais notícias:

Escrever
Notificação de
2 Comentários
Antigos
Novos Mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos comentários
Darkmon2019

Foi umas grandes melhores Experiências as batalhas e o Baldur e serpente do mundo, aquela toda treta dos gigantes. Agora minha está ansiosamente mil RAGNAROK, será mais épico

Desconto em Games
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
RECEBA PROMOÇÕES NO SEU CELULAR
Shopping cart